23.5 C
Brasília
quinta-feira, 23 setembro, 2021

Rua do centro de São Paulo é eleita uma das “mais legais do mundo”



Na sua opinião, o que faz uma rua ser atraente, bonita e culturalmente interessante? A Time Out, revista britânica que atua como guia das melhores experiências pelas cidades do mundo, elencou as 30 ruas mais legais do mundo e o Brasil não ficou de fora! A rua Três Rios, no bairro do Bom Retiro, no centro de São Paulo, ficou em 7º lugar.

Ao todo, 27 mil pessoas foram entrevistadas, além de especialistas locais e da própria publicação, que opinaram nos quesitos gastronomia, diversão, cultura e espírito de comunidade. Aliás, são esses mesmos critérios que o guia leva em consideração na hora de escolher os melhores bairros e, consequentemente, as melhores cidades.

“Todas essas ruas têm ótimas histórias para contar. São microcosmos de tudo o que amamos nas cidades: restaurantes incríveis, cultura local vibrante, muita história – e em um ano em que os sonhos de viagem foram frustrados e tivemos que ficar mais tempo em casa, esses locais nos ajudaram a sentir que éramos parte de algo maior.” diz um trecho da publicação.

Além de avaliar as 30 ruas, a pesquisa ainda conta um pouco sobre a história delas e indica locais imperdíveis para beber, comer, visitar e fazer compras no endereço. Vamos ao pódio?

Em primeiro lugar está a Smith Street, em Melbourne, na Austrália. A Time Out conta que aqui, você nunca terá um momento de tédio. Há pubs movimentados, bares de vinho refinados, lojas de discos e padarias. À noite, os pubs, bares gays e casas de música ao vivo de Collingwood, bairro que abriga a rua, são um ímã para os moradores que gostam de dançar até a madrugada chegar.

Em segundo lugar ficou a arborizada Passeig de Sant Joan, em Barcelona. A pista corta a cidade de norte a sul e se estende por quatro bairros distintos. A parte alta é mais old-school, com bares e boutiques, como a Baylina, Bar Oller e Verdú. O extremo sul, por sua vez, está repleto de restaurantes estilosos como o Granja Petitbo e ChichaLimoná. Mas o que se destacada na rua, segundo o guia, é a maneira como se respeita os pedestres e ciclistas. As ciclovias percorrem toda a extensão da rua, enquanto as pessoas têm bastante espaço para caminhar, passear, e bancos para sentar.

South Bank, em Londres, está com a terceira colocação. Por ali não faltam mercados, restaurante,  galerias, pop-ups e muito mais. Em sétimo está a rua Três Rios, no Bom Retiro, em São Paulo. O guia destaca o bairro histórico como em “constante evolução”. A travessa, eles destacam, está a poucos minutos da bela Pinacoteca, além de pontuar que seus cruzamentos abrigaram várias gerações de famílias de imigrantes que se mudaram para o Brasil ao longo dos séculos – da Itália, Coréia, Grécia, Bolívia, Europa Oriental e outros lugares – todos trazendo na bagagem sua cultura e gastronomia local, abrindo seus próprios restaurantes por ali e criando uma das mais diversas cenas gastronômicas da cidade.

Para comera revista indica Hwang To Gil, de comida coreana e o Acropóles, especializado em pratos gregos fundado em 1959. Para beber? Café gelado na Bellapan Bakery, além de uma das excelentes tortas ou bolos. Mais dicas: “Apoie os artistas locais e saiba mais sobre a cena artística paulistana visitando uma das muitas feiras e eventos independentes de zines que acontecem no lendário centro cultural Casa do Povo. Em seguida, explore as lojas de tecidos coloridos onde jovens designers brasileiros compram seus materiais.”

Abaixo, o top 10:

  1. Smith Street, Melbourne
  2. Passeig de Sant Joan, Barcelona
  3. South Bank, Londres
  4. San Isidro, Havana
  5. Sunset Boulevard, Los Angeles
  6. Witte de Withstraat, Rotterdam
  7. Rua Três Rios, São Paulo
  8. Haji Lane, Singapura
  9. Rua Rodrigues de Faria, Lisboa
  10. Calle Thames, Buenos Aires

Fonte: CNN

- Publicidade -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Últimas notícias