20.5 C
Brasília
domingo, maio 26, 2024
-Publicidade-spot_img
spot_img

Instituto Lula: PF diz que parceira da Odebrecht comprou prédio

RELACIONADOS

DÉLIO ANDRADE
DÉLIO ANDRADEhttp://delioandrade.com.br
Jornalista, sob o Registro número 0012243/DF

Investigações revelaram que a família do ex-presidente sabia da intenção de instalar a sede do Instituto Lula no local – Ricardo Stuckert/28.03.2016/Instituto Lula

Aquisição teria sido feita pela DAG, cujo dono faz negócios com Marcelo Odebrecht

A construtora DAG comprou um prédio na zona sul de São Paulo no ano de 2010 e tinha o plano de instalar uma suposta sede do instituto do ex-presidente Lula. A empresa tem como dono Demerval Gusmão, que é amigo e parceiro de negócios do empreiteiro Marcelo Odebrecht.

De acordo com o jornal O Globo, a afirmação foi feita pela própria força-tarefa da Lava Jato. A publicação relata também que a DAG é a mesma construtora que pagou um jatinho para levar Lula, em 2013, a Cuba, República Dominicana e Estados Unidos.

As investigações revelaram ao jornal que a família do ex-presidente sabia da intenção de instalar a sede do Instituto Lula no local. Segundo relatório obtido pela publicação, as negociações para compra do prédio são descritas num relatório de análise da PF, redigido após a 24ª fase da Lava Jato.

O jornal revela ainda que a PF diz acreditar que o valor registrado pela DAG pela compra do prédio, de R$ 6,8 milhões, é compatível com os R$ 12,3 milhões escrito ao lado da expressão “prédio (IL)” no documento encontrado no e-mail de um dos executivos do departamento de propinas da Odebrecht.

Outro lado
Procurado pela publicação, o Instituto Lula afirma que funciona em sobrado adquirido em 1991 pelo antigo Instituto Cidadania e que só considerou construir um prédio quando apresentou a proposta de Memorial da Democracia, em 2012.

Do R7

-Publicidade - spot_img

More articles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

-Publicidade - spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS