Extinção do Ministério do Trabalho é discutida na CLDF


Comissão foi proposta pelo deputado Chico Vigilante, do Partido dos Trabalhadores

A possibilidade de extinção do Ministério do Trabalho – ou a incorporação desta com outra pasta ainda indefinida do GDF foi discutida dia 29/11 na CLDF.

O deputado Chico Vigilante (PT) foi autor do projeto: “Em vez de uma medida drástica, o órgão precisa ser fortalecido e modernizado, especialmente, na sua função fiscalizadora, que deveria ser ampliada”, disse.

Antes, na segunda-feira anterior, o Ministério do Trabalho completou 88 anos. A fim de debater no plenário da Câmara Legislativa, a sessão virou comissão geral, com a participação da comunidade.

Nas palavras de Chico Vigilante, sobre a extinção do Ministério do Trabalho, indagou: “Com o fim da pasta, quem vai, por exemplo, fiscalizar o trabalho escravo?”.

Já Grijalbo Fernandes Coutinho, desembargador TRT da 10ª Região, disse “A função principal de defesa dos direitos sociais dos trabalhadores não está na justiça do trabalho está na organização da classe trabalhadora”, falou.

Anterior Dado Villa-Lobos e filho de Renato Russo em mais um embate
Próximo Celular irregular será bloqueado a partir de sábado em 10 estados